{

title : "My Cyber-Space",

description : "O seu lugar de tecnologia",

author : "Victor Oliveira"

}


sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Olimpíadas Beijing 2008: Um Show de Tecnologia

Este ano as Olimpíadas começaram no dia 08/08/08 com abertura oficial marcada para as 08:00. Os chineses acreditam que o numero 8 é um número da sorte porque representa prosperidade e poder, além de ser o símbolo do infinito. Não sei se esta superstição ajudou, mas o que acabei de assistir agora pela Televisão foi magnífico. Um show de tecnologia, coreografia e organização.

Esse ano os chineses fizeram questão de mostrar que a tecnologia chegou para remodelar tudo e todos, começando pela recepção dos atletas e turistas nos aeroportos que foram recebidos por Robôs que entendem cinco línguas diferentes e podem responder a um grande número de perguntas feitas , até a própria tocha Olímpica que não escapou da Tecnologia e ganhou um pequeno tubo de gás propano, capaz de queimar por 45 minutos sem reabastecimento. Pouco é, comparado ao GreenPix, que todos que tiveram o prazer de ver a abertura conferiram uma parede composta pelo maior display de LED do mundo. Alimentado por foto-eletricidade, essa parede sustentável cobre a fachada do Complexo de Entretenimento Xicui em Beijing, mostrou e mostrará uma série de vídeos e performances.


Nesta, que promete ser a Olimpíada mais hi-tech da história dos jogos olímpicos, onde foram gastos perto de US$ 2,1 bilhões, cerca de US$ 500 milhões só com tecnologia, está praticamente tudo pronto do ponto de vista da logística e infra-estrutura de TI. É o que garantem as empresas integradoras e fornecedoras de sistemas de gestão e redes, plataformas, satélites, computadores, telões de alta resolução, câmeras de segurança, impressoras, softwares dedicados.

Nos esportes a tecnologia não foi deixada de lado o que traz uma nova polêmica sobre o doping high tech.

Várias novidades trouxeram para os atletas maior desempenho em suas modalidades, desde caiaques, bicicletas e florestes até trajes de mergulho, tenis e uma tenda que simula diferentes estados naturais de alguns ambientes.


LZR Racer: O LZR Racer, da Speedo, combina painéis de poliuretano colados conforme as medidas do atleta, que comprimem seu corpo de forma a “diminuir” a superfície de contato na água. Dos 48 recordes mundiais quebrados nas piscinas durante 2008, nada menos que 44 foram feitos com atletas que vestiam o LZR Racer. O material torna a hidrodinâmica do atleta melhor, comprimindo as dobras da sua pele (nas coxas, peitos e nádegas, principalmente), que, normalmente, aumentariam a fricção da água e exigiria mais força.


Lone Star Spikes: Desenvolvido para o norte-americano Jeremy Wariner, o Lone Star Spikes aposta em nanotubos de carbono e falta de simetria entre os diferentes pés para compensar a pista oval.


Precool Vest: O PreCool Vest é um colete que acumula água congelada para resfriar a musculatura dos atletas, economizando uma energia que, tradicionalmente, seria usada para manter a temperatura do corpo constante.

Câmara Hipóxica: Tenda de oxigênio que recria a condição de ar rarefeito encontrada em altitudes elevadas, aumentando a produção de glóbulos vermelhos, o que melhora a captação de oxigênio do sangue e, por conseqüência, a performance do atleta em provas de longa duração.


Um show de tecnologia, coreografia e sincronismo:

3 comentários:

Raoni Frizzo disse...

Acabei de assistir a cerimônia de abertura dos Jogos, e realmente foi incrível a produção de todo o espetáculo, digna de cinema!!!

Quanto aos aparatos tecnológicos que os atletas vem usando e ganhando muito desempenho, essa roupa da natação realmente causou muita polêmica. Mas acho que é válida, afinal, a evolução é sempre constante no esporte e logo novas tecnologias virão, ainda melhores do que essa!

O mais impressionante é que não consigo imaginar até onde toda essa evoluçao vai!

Raoni
http://blogonews.blogspot.com/

Anjinha disse...

Estou até agora sem perdoar a mim mesma por ter perdido o melhor da abertura. Quando eu finalmente levantei, tomei meu café e resolvi ligar a tv, já tinha perdido toda a 1ª hora =S.
Pelo menos a mídia fez o favor de me mostrar as cenas principais inúmeras vezes para que eu não ficasse totalmente por fora! rs.
Sobre a tecnologia interferindo no desempenho dos atletas, era de se esperar que um dia isso fosse acontecer.
Eu sou a favor, apesar do ideal ser que todos tenham acesso as mesmas (O que é difícil =\).

Bjos.

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

eu tbem perdi a abertura das olimpiadas

sempre gostei


que raiva


Lucas de Oliveira